Categorias

Ex-namorada de XXXTentacion se pronuncia sobre morte do rapper, após acusá-lo de agressões

A ex-namorada de XXXTentacion, assassinado nesta segunda-feira (18) em Miami, nos Estados Unidos, usou suas redes sociais para lamentar a morte precoce do artista de 20 anos. Geneva Ayala escreveu no Twitter que estava “devastada” com a notícia do falecimento do rapper, que era acusado de tê-la agredido em diversas ocasiões, inclusive quando ela estava grávida.

Ayala demonstrou estar chateada com alguns comentários que tem lido na internet sobre a morte de XXXTentacion. “Eu sei que vocês não mexem comigo, mas isto não é sobre mim. Por favor, parem de me marcar em tópicos e discussões desrespeitosos. Eu honestamente não me importo com esse hype. Eu perdi alguém próximo a mim. Me deixem em paz“, escreveu ela em um dos tweets.

É repugnante que as pessoas estejam falando por mim. Eu não tô nem aí se ninguém se importava comigo muitos meses atrás, eu não perdi minha vida. Ele sim. É permanente. Eu ainda estou aqui. Tipo, como vocês acham que estou me sentindo? Todos esperam que eu esteja aliviada ou feliz?! Não, eu estou devastada“, acrescentou ela em outro.

No Instagram, Ayala postou um vídeo em que aparece com o rapper, com a seguinte legenda: “Isso não é real, volte“.

De acordo com o TMZ, XXX aguardava julgamento no caso de violência doméstica contra Geneva e também por várias acusações de adulteração de testemunhas no caso. Os promotores acreditam que o artista coagiu a ex-namorada a não testemunhar contra ele.

XXXTentacion, cujo nome real era Jahseh Dwayne Onfroy, faleceu nesta segunda-feira (18), em Miami, após ser atingido por vários tiros. Segundo informações do TMZ, o rapper de 20 anos estava comprando motos no sul da Flórida e, ao sair da concessionária, um homem armado correu até o seu veículo e fez disparos contra ele. Sua morte foi confirmada pelo Departamento de Polícia da cidade por volta das 17h40 (horário de Miami – 18h40 no horário de Brasília).

Comentar Via Facebook

Comentários