Itapajé: Audiência Pública com feirantes tem pouca resolubilidade e reunião entre a categoria e o prefeito Dimas será marcada

Marina Ruy Barbosa apareceu loira e a internet está chocada com esse acontecimento!
23 de julho de 2019
Irauçuba: TRE cassa mandato de prefeito Nonatinho; gestor se posiciona quanto à decisão judicial
23 de julho de 2019

Em audiência pública ocorrida na noite da última segunda-feira, dia 22, na Câmara Municipal de Vereadores, os feirantes do município tiveram a oportunidade de opinar sobre a proposta do Executivo Municipal de mudar o local da feira livre de Itapajé. Pelo proposto, s bancas da feira livre passariam a ocupar a Rua Rufino Gomes (Beco da Usina), via ao lado da Rua Manuel Luís da Rocha, espaço hoje ocupado pelos comerciantes de frutas e verduras.

 

A maioria dos feirantes se posicionou contra a proposta e como argumento afirmaram que durante gestão do ex-prefeito Batista Braga foram obrigados fazer a mesma mudança e as vendas naquela ocasião teriam caído de volume e o município não teria dado apoio à categoria.

 

Grande parte dos comerciantes presentes à audiência ignorou a proposta do secretário de administração e finanças de Itapajé, Igor Rocha, que representava a administração municipal. Rocha afirmou que dessa vez haverá apoio da gestão Dimas Cruz aos feirantes e o primeiro passo para isso seria que a categoria se organizasse em associação. Em seguida o município em parceria com a entidade de representação dos feirantes elaboraria projetos para padronização das barracas, projetos de captação de recursos através de bancos de fomento ao microcrédito, etc.

 

Com pouca resolubilidade a audiência pública teve como ponto positivo a aceitação de todas as partes presentes de proposta para criação de uma comissão formada por feirantes e vereadores, que tratará sobre o tema em audiência ainda a ser marcada com o prefeito Dima Cruz. Até lá os feirantes ficam onde estão.