Categorias

Concursos 2019: Ceará tem vagas com salário de até R$ 11,8 mil

 

Conselho Regional de Psicologia – 11ª Região (CRP-CE)

 

Salário inicial: R$ 1.873,40 (EM) e R$ 5.319,80 (ES).

Nível: Ensino Médio (EM) e Ensino Superior (ES).

Vagas: 50 (sendo cinco imediatas) e 45 para cadastro reserva (CR).

Função: técnico administrativo e psicólogo fiscal

Candidatos com ensino médio têm opções como técnico administrativo especializado nas áreas de patrimônio (1 posto + 9 CR), financeira (1 + 9 CR) e contábil (1 + 9 CR) – a última especialidade também exige formação técnica.

Além de curso superior, o cargo de psicólogo fiscal (2 + 8 CR) requer registro profissional.

As inscrições abrem às 10h de 10 de dezembro e se encerram às 23h59 de 9 de janeiro, devendo ser efetuadas pelo site http://www.promunicipio.com. As taxas custam R$ 80 (técnico) e R$ 120 (psicólogo).

O processo seletivo inclui prova objetiva (todos os cargos), em 27 de janeiro, na Capital, e avaliação de títulos (apenas para psicólogo), com entrega dos documentos em período a ser definido.

O concurso do CRP CE terá validade de dois anos, a contar da homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, a critério do órgão, conforme estabelece o edital.

 

Marinha do Brasil

 

Salário inicial: R$ 2.320 (EF) e R$ 3.388 (EM E ET).

Nível: Ensino Fundamental (EF), Ensino Médio, e Ensino Técnico (ET).

Vagas: 533 temporárias para o Serviço Militar Voluntário (SMV).

Função: variadas.

Os concorrentes devem ter entre 18 e 44 anos na data da incorporação. Será possível se candidatar até 11 de dezembro, por meio do site www.ensino.mar.mil.br. O valor da taxa de participação é de R$ 75.

Há oportunidades para atuação nas áreas de administração, contabilidade, edificações, estruturas navais, eletrônica, eletrotécnica, enfermagem, farmácia, higiene dental, marcenaria, mecânica, metalurgia, motores, motorista (viaturas administrativas), nutrição e dietética, patologia clínica, processamento de dados, prótese dentária, química, radiologia médica, telecomunicações, entre outras especialidades.

A etapa inicial consiste em prova objetiva com 50 questões de língua portuguesa e conhecimentos militares-navais, a ser realizada no dia 17 de março de 2019. Logo após, seguem-se as fases de verificação de dados biográficos; inspeção de saúde; prova de títulos; verificação de documentos; análise de títulos, em datas a serem definidas.

 

Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado do Ceará

 

Salário inicial: R$ 4.281,16 (mais gratificações).

Nível: Ensino Superior

Vagas: 25 (duas reservadas para pessoas com deficiência)

Função: auditor de controle interno.

Ofertas estão distribuídas entre as áreas governamental (9 vagas), obras públicas (4), tecnologia da informação (4), correição (4) e fomento ao controle social (4). Interessados em concorrer a um dos postos devem possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação.

As inscrições começam no próximo dia 17 de dezembro, às 10h e segue até às 18h de 4 de janeiro de 2019. A ficha cadastral estará disponível no endereço eletrônico do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – Cebraspe, organizador do concurso.

A taxa de inscrição custa R$ 150,00. A primeira etapa da seleção é a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. O exame será aplicado em Fortaleza, possivelmente em 17 de fevereiro de 2019,à tarde. Os locais e horários de realização da prova serão comunicados no edital de convocação, a ser divulgado a partir do dia 8 de fevereiro. As outras fases são: curso de formação, eliminatório e classificatório; avaliação psicológica, eliminatória; e análise de títulos, unicamente classificatória.

 

Ministério da Saúde

 

Salário inicial: R$ 11.865,60.

Nível: Ensino Superior.

Vagas: 429 para o Ceará.

Função: médico.

Podem participar brasileiros formados no Brasil com registro no conselho. As inscrições podem ser feitas pela internet, na página http://maismedicos.gov.br. A seleção será por meio de análise curricular.

Fonte: Diário do Nordeste

Atitude Online

Comentar Via Facebook

Comentários